Pecuária Sustentável - Minerva Foods | Criando conexões entre pessoas, alimentos e natureza.

Pecuária Sustentável

Nenhum resultado de indicadores com

Confira a sua palavra de busca ou entre em outra categoria.

Voltar para Central de Indicadores

placeholderCont resultados de indicadores para "placeholderBusca"

Filtrando:

% Fornecedores diretos de gado monitorados com base em critérios socioambientais

GRI 13.23.3 GRI 308-1 GRI 414-1 ODS 12 ODS 15
2021 2022 2023
Brasil 100% 100% 100%
Paraguai 100% 100% 100%
Colômbia - 80% 100%
Argentina - 90% 90%
Uruguai - - 60%

Contexto

Os critérios socioambientais exigidos pela Minerva Foods nos países de atuação estão descritos na Política de Aquisição de Commodities Agrícolas e Produtos da Pecuária. Ao formalizar os contratos de fornecimento e prestação de serviços, os parceiros de negócio devem estar cientes das cláusulas estipuladas, além de assinarem um termo garantindo a ciência sobre as diretrizes contidas no Código de Conduta dos Parceiros de Negócios. Além disso, a Companhia é pioneira no uso de sistemas de geomonitoramento nas fazendas fornecedoras diretas do Brasil, nas quais 100% das compras de animais são monitoradas nos biomas (Amazônia, Cerrado, Pantanal, Caatinga e Mata Atlântica) em que opera. Desde 2021, a cobertura do sistema está sendo continuamente expandida aos demais países da América do Sul, tendo como horizonte o ano de 2030 para alcançar 100% de monitoramento das fazendas fornecedoras diretas.
De igual modo, no Paraguai, 100% das fazendas fornecedoras diretas são monitoradas, desde 2021. Em 2023, como destaque, a Companhia cumpriu a meta de monitoramento das fazendas fornecedoras diretas na Colômbia, atingindo a marca de 100% com seis meses de antecedência. Na Argentina e no Uruguai, por sua vez, estamos avançando na implementação do sistema de monitoramento geoespacial, com cerca de 90% e mais de 60% das fazendas fornecedoras diretas monitoradas, respectivamente.
Na divisão Austrália, a rastreabilidade dos animais é garantida por meio do banco de dados do National Livestock Identification System (NLIS) combinando os seguintes elementos: identificação de todos os animais; identificação das propriedades por meio de um Código de Identificação de Propriedade (PIC); e registro dos dados de localização e movimentação dos animais em um banco de dados central. À medida que os animais são comprados, vendidos e movimentados ao longo da cadeia de suprimentos, eles devem ser marcados com uma etiqueta ou dispositivo credenciado pelo NLIS, permanecendo com o animal por toda a sua vida. Esse processo é utilizado para fins sanitários, sendo que o monitoramento de critérios socioambientais será expandido para a divisão no futuro.

% Atendimento as auditorias do monitoramento socioambiental

GRI 13.23.3 GRI 308-1 GRI 414-1 ODS 12 ODS 15
2021 2022 2023
Auditoria do Ministério Público Federal do Pará 100% 100% 100%
Auditoria Compromisso Público da Pecuária 100% 100% 100%
Auditoria Independente do Paraguai 100% 100% 100%

Contexto

Para comprovação da eficácia do sistema de geomonitoramento são conduzidas auditorias de terceira parte no Brasil e no Paraguai. Em 2023, por mais um ano consecutivo, a Minerva Foods atingiu 100% de conformidade nas auditorias de terceira parte que atestam seu sistema de monitoramento socioambiental da cadeia de fornecimento, incluindo a auditoria do Ministério Público Federal do Pará, reconhecida pelo seu rigor e pela celeridade de seu processo.

Número de fornecedores identificados como de risco significativo para a ocorrência de impactos socioambientais

GRI 308-2 GRI 414-2 ODS 12 ODS 15
2021 2022 2023
Total 374 657 264
Brasil - 414 192
Paraguai - 243 45
Colômbia - - 14
Argentina - - 13
Uruguai - - -

Contexto

Em 2023, 13.682 novos fornecedores foram avaliados quanto aos critérios socioambientais. Destes, 264 foram identificados como causadores de impactos ambientais reais ou potenciais, levando ao bloqueio de 192 fornecedores no Brasil, e outros 12 na Colômbia, o que representa 1,8% e 3,0% da base de novos parceiros, respectivamente. Dentre os principais motivos de bloqueio no Brasil estiveram a existência de embargos do IBAMA, detecção de desmatamento ilegal, sobreposição a terras indígenas, áreas quilombolas e unidades de conversação. Enquanto na Colômbia, os bloqueios relacionaram-se à presença em áreas de proteção.
A Companhia, por sua vez, direciona esforços para apoiar e dar todo o suporte técnico aos fornecedores bloqueados, visando sua reintegração à base de parceiros. Desse modo, 521 fornecedores que apresentaram alguma irregularidade tanto em 2023 quanto em anos anteriores foram reinseridos na base do Brasil a partir deste trabalho.
* Para a divisão Austrália, o monitoramento de critérios socioambientais será implantado no futuro.
** Para o ano de 2021, não temos disponíveis os dados de fornecedores identificados por país.

Número de fazendas fornecedoras diretas monitorados por país

GRI 13.23.3 GRI 308-1 GRI 414-1 ODS 05 ODS 12
2021 2022 2023
Brasil - - > 23.000
Paraguai - - > 4.000
Colombia - - > 5.000
Argentina - - > 6.000
Uruguai - - > 5.000

Contexto

Os critérios socioambientais exigidos pela Minerva Foods nos países de atuação estão descritos na Política de Aquisição de Commodities Agrícolas e Produtos da Pecuária. Ao formalizar os contratos de fornecimento e prestação de serviços, os parceiros de negócio devem estar cientes das cláusulas estipuladas, além de assinarem um termo garantindo a ciência sobre as diretrizes contidas no Código de Conduta dos Parceiros de Negócios. Além disso, a Companhia é pioneira no uso de sistemas de geomonitoramento nas fazendas fornecedoras diretas do Brasil, nas quais 100% das compras de animais são monitoradas nos biomas (Amazônia, Cerrado, Pantanal, Caatinga e Mata Atlântica) em que opera. Desde 2021, a cobertura do sistema está sendo continuamente expandida aos demais países da América do Sul, tendo como horizonte o ano de 2030 para alcançar 100% de monitoramento das fazendas fornecedoras diretas.
De igual modo, no Paraguai, 100% das fazendas fornecedoras diretas são monitoradas, desde 2021. Em 2023, como destaque, a Companhia cumpriu a meta de monitoramento das fazendas fornecedoras diretas na Colômbia, atingindo a marca de 100% com seis meses de antecedência. Na Argentina e no Uruguai, por sua vez, estamos avançando na implementação do sistema de monitoramento geoespacial, com cerca de 90% e mais de 60% das fazendas fornecedoras diretas monitoradas, respectivamente.
Na divisão Austrália, a rastreabilidade dos animais é garantida por meio do banco de dados do National Livestock Identification System (NLIS) combinando os seguintes elementos: identificação de todos os animais; identificação das propriedades por meio de um Código de Identificação de Propriedade (PIC); e registro dos dados de localização e movimentação dos animais em um banco de dados central. À medida que os animais são comprados, vendidos e movimentados ao longo da cadeia de suprimentos, eles devem ser marcados com uma etiqueta ou dispositivo credenciado pelo NLIS, permanecendo com o animal por toda a sua vida. Esse processo é utilizado para fins sanitários, sendo que o monitoramento de critérios socioambientais será expandido para a divisão no futuro.
* Passamos a divulgar o número de fazendas diretas monitoradas apenas em 2023.